terça-feira, 3 de agosto de 2010

Beija-me amor

Beija-me a boca
Com tua boca vermelha
Para que eu sinta o seu gosto
Mesclado com gosto de amor
Mastigado entre os dentes meus

Sou cesta de natal
Cheia de latas vazias
Não deixe que eu me comova
Me dê um cigarro sem filtro,
Vagabundo como nós

Não podemos sofrer
Não leremos jornais
Que noticiem crimes
Não participaremos dessas mortes vis
Beija-me a boca varonis

(Rita Lee)

2 comentários:

  1. Estou te descobrindo, explorando, lendo...

    E adorando!

    Volterei para continuar aeitura das postagens antigas...

    Maravilhosmente belo!

    Beijos

    ResponderExcluir
  2. olá!
    tudo bom???
    muito prazer,me chamo Augusto César...
    gostei muito do seu blogger. show de bola!
    estou lhe seguindo,me siga também???
    http://osegredodosescritores.blogspot.com/

    ResponderExcluir